segunda-feira, 8 de agosto de 2011

BERÇO AMADO



Lá no alto do cruzeiro
Onde o coco faz a festa
A visão que Deus empresta
É de um quadro verdadeiro
E se dela eu sou herdeiro
Vim da sorte bem que sei
No qual sempre carreguei
O seu nome consagrado
Arcoverde, berço amado,
Terra mãe que me criei.

Sou filho do Moxotó
De Olho D’água dos Bredos
Dos meus primeiros enredos
Onde guardo e sei de có
Fiz um laço e dei um nó
Com os versos que solei
Porque nunca esquecerei
Donde veio meu legado
Arcoverde, berço amado,
Terra mãe que me criei.

Decantei meu lugarejo
Na feira, vilela e praça.
Mostrando essa minha raça
De caboco sertanejo
Que minha lábia sem pejo
Faz o meu sertão um rei
Do qual sempre me orgulhei
De cantar em cada estado
Arcoverde, berço amado,
Terra mãe que me criei.

Kerlle de Magalhães

2 comentários:

  1. Parabéns por manter acesa a chama da cultura nordestina. Visite o Blog Diniz K-9.
    http://dinizk9.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. MELHOR SITE DE VENDAS http://www.mercadozets.com.br/

    VENDE DE TUDO

    BERÇO
    ... ...
    http://www.mercadozets.com.br/ListaProdutos.asp?texto=berco&IDCategoria=110

    VENDE DE TUDO TEM BERÇO ELETRONICOS CELULARES TV NOTEBOOK COMPUTADOR ACESSORIOS PARA CARROS BRINQUEDOS ARTIGOS INFANTIS E MUITO MAIS

    ResponderExcluir